Libertem O Panchen Lama

Há 25 anos atrás Gedhun Choekyi Nyima, com seis anos, foi raptado pelo governo chinês após ser reconhecido como o 11º Panchen Lama do Tibete; ele tornou-se o prisioneiro político mais jovem do mundo e desde então nunca mais foi visto.

Hoje tem 31 anos. Desde o seu desaparecimento, o governo chinês rejeitou repetidamente os pedidos de divulgação completa sobre a sua localização e bem-estar, bem como de sua família, e até agora todos os apelos à sua libertação foram rejeitados.

AJA: Inste os líderes do G7 a exigirem informações acerca de Gedhun Choekyi Nyima e a solicitar a sua libertação imediata.